Fundação Brasileira para o Desenvolvimento Sustentável
  • Ativos Ambientais
    Projetos e estudos para o desenvolvimento sustentável por meio do uso consciente dos recursos naturais.
  • Agricultura Sustentável
    Projetos e interface entre diferentes atores para a criação de uma agricultura confiável e sustentável.
  • Sustentabilidade Urbana
    Projetos que buscam equacionar a sustentabilidade dos grandes centros urbanos no médio e longo prazos.

Gestão Territorial

Sustentabilidade Sócioambiental para Instalações da Petrobras

O Projeto - Proposta/Objetivo
Estruturação, via Sistema de Informação Geográfica (SIG), de uma base de dados cartográficos (mapas) e alfa-numéricos sobre o suporte físico e biótico da paisagem e características sócio-econômicas de áreas de influência de três refinarias, dois terminais e linhas duto da Petrobras. O SIG proporciona o cruzamento de todos os tipos de informações levantadas e arquivadas, o que é de extrema utilidade e confere alto senso prático às atividades gerais de planejamento estratégico.

Entende-se que o banco de dados georeferenciado e alfa-numérico é uma ferramenta muito importante e por vezes imprescindível para tomadas de decisão em escala local e regional. Entre as atividades as quais se pretende potencializar com o uso do SIG neste projeto estão:

  • Definições de estratégias empresariais (expansões, relocalizações, implantação de novas instalações etc);
  • Diversificação de investimentos;
  • Aspectos ambientais (prevenção de acidentes, compensações ambientais etc);
  • Consolidação de parcerias empresa - poder público;
  • Interação com a comunidade (inclusive com os próprios funcionários e familiares, que vivem nas áreas de entorno das instalações da Petrobras);
  • Suporte ao planejamento municipal.

A base de informação a ser construída terá um escopo de caráter estratégico, de gerenciamento e monitoramento dando suporte aos programas e planos voltados ao desenvolvimento integrado e sustentável. Será ainda fundamental em situações de emergência nas quais as decisões dependem de um rápido acesso a profundos conhecimentos da área de impacto, em seus aspectos físicos, bióticos e sócio-econômicos.

Escopo do Projeto
Área: O primeiro passo para o início da realização do projeto foi a definição da área de trabalho. Foram estudadas áreas de influência de três refinarias e dois terminais, sendo que nas primeiras foi realizado um trabalho mais abrangente, condizente com a importância e o impacto sócio-econômico e ambiental desse tipo de instalação. No caso dos terminais a área escolhida é mais exígua, compreendendo apenas os municípios diretamente afetados. No total a área de trabalho do projeto constituiu-se em 6.116 km² (21 municípios).
Escala e metodologia: Outra etapa importante foi a escolha da escala de trabalho utilizada. Tem-se como referência cartográfica a escala de 1:50 000 para o levantamento dos dados espaciais gerados a partir de mapeamentos por sensores remotos e controles de campo. Vale ressaltar que este é o maior projeto já realizado no país com essa escala, considerada de planejamento regional.

Para os dados não espaciais, gerados a partir de censos demográficos, agropecuários, escolares e cadastro de indústria, a unidade básica é o setor censitário municipal. As informações pontuais ou lineares - localização de indústrias, fontes de poluição etc - são geradas por georreferenciamento (GPS) e tem sua localização real.

Em algumas áreas consideradas prioritárias foram adotadas escalas mais detalhadas, de 1:8.000 e 1:5.000.

Base de Informação: São consideradas como temáticas básicas para a geração de dados e configuração de informações em diversas categorias:

  • Dinâmica Social e Econômica (potencialidade humana,
    condições de vida, atividades produtivas);
  • Base Cartográfica;
  • Declividade;
  • Geologia;
  • Processos de Erosão e de Sedimentação;
  • Uso da Terra (Rural e Urbano);
  • Cobertura do Solo;
  • Remanescentes de Formações Vegetais;
  • Recursos Hídricos;
  • Fontes de Poluição.

Essas temáticas básicas são apenas demonstrativos do universo da base de informação disponível. O Sistema de Informação Geográfica (com a estrutura do banco de dados e todas as informações nele contidas) é o verdadeiro produto, permitindo consulta, pesquisa, inclusão de novos dados, atualização, definição de indicadores, cruzamentos e análises de acordo com o interesse do usuário do sistema..

Como exemplos de cruzamentos de dados pode-se assinalar alguns produtos integrados, tais como: indicadores sócioambientais, carta de zoneamento sócioambiental e carta de comprometimento ambiental, entre tantos outros.

Fundação Brasileira para o Desenvolvimento Sustentável
Rua Engenheiro Álvaro Niemeyer, 76
CEP 22610-180
Rio de Janeiro - RJ - Brasil
Tel. +55 (21) 3322-4520
Fax +55 (21) 3322-5903
fbds@fbds.org.br

webTexto é um sistema online da Calepino