Fundação Brasileira para o Desenvolvimento Sustentável
  • Ativos Ambientais
    Projetos e estudos para o desenvolvimento sustentável por meio do uso consciente dos recursos naturais.
  • Agricultura Sustentável
    Projetos e interface entre diferentes atores para a criação de uma agricultura confiável e sustentável.
  • Sustentabilidade Urbana
    Projetos que buscam equacionar a sustentabilidade dos grandes centros urbanos no médio e longo prazos.

Sustentabilidade Corporativa

Gestão de Sustentabilidade Corporativa do Grupo Suzano

Objetivo do Projeto
Suportar o Grupo Suzano nas seguintes ações fundamentais para a implementação da gestão da sustentabilidade:

  • análise de benchmarks em sustentabilidade corporativa;
  • estruturação de comitês e grupos de trabalho em sustentabilidade;
  • elaboração dos relatórios de sustentabilidade do Grupo referentes ao ano de 2006;
  • aprimoramento do processo de resposta ao ISE Bovespa;
  • alinhamento e disseminação de conceitos na alta administração da organização.

Histórico
Em 2006, o Grupo Suzano fortaleceu seu direcionamento estratégico para a sustentabilidade corporativa e deu continuidade à parceria com a FBDS, solicitando a esta um novo projeto que se seguisse àquele realizado no segundo semestre de 2005, denominado Diagnóstico de Sustentabilidade. Esse diagnóstico, que se baseou em informações públicas e não públicas do Grupo, inclusive com as respostas ao questionário 2005 do ISE Bovespa, havia gerado um plano de trabalho para que a companhia ampliasse sua adequação à sustentabilidade corporativa.

Portanto, diante dos bons resultados advindos do Diagnóstico da Sustentabilidade elaborado em 2005 pela FBDS e da importância dada pelo Grupo Suzano para o plano de trabalho oriundo deste projeto, um segundo trabalho foi realizado ao longo do ano de 2006, buscando melhoria contínua na gestão da sustentabilidade corporativa e, por conseqüência, nos Relatórios de Sustentabilidade do Grupo.

Resultados
O trabalho realizado pela FBDS no Grupo Suzano em 2006 contemplou passos importantes da Suzano na consolidação do modelo de gestão pela sustentabilidade, quais sejam: a análise de benchmarks nacionais e internacionais em sustentabilidade corporativa; a reformulação e criação de comitês e grupos de trabalho focados em sustentabilidade, tanto na Suzano Holding quanto na Suzano Papel e Celulose S.A. e na Suzano Petroquímica; a orientação e o apoio para a utilização das Diretrizes G3 da GRI (Global Reporting Initiative) na elaboração de seus Relatórios de Sustentabilidade; a promoção da melhoria do processo de resposta ao questionário do ISE Bovespa, bem como avaliação da consistência das respostas apresentadas; e, por fim, discussões focando o alinhamento da alta administração do Grupo (holding e empresas operacionais) em relação ao conceito da Sustentabilidade Corporativa.

A análise de benchmarks contou com a avaliação, baseada em informações públicas, da sustentabilidade corporativa em organizações nacionais e internacionais que exercem concorrência com as empresas do Grupo, além daquelas que, embora não sejam concorrentes, são referências mundiais em relação ao tema.

A reformulação e criação de comitês no âmbito do Conselho de Administração, bem como de grupos gerenciais de trabalho focados em sustentabilidade, incluiu a definição de uma agenda e mecanismos de atuação para estes órgãos e buscou fortalecer e legitimar o alinhamento do tema à estratégia da companhia. Além disso, promoveu maior agilidade na implementação e avaliação dessa agenda por meio de ferramentas e mecanismos gerenciais especificamente orientados para este fim.

Grupo Suzano utilizou ainda o apoio da FBDS na promoção de ações para maior adequação de seus Relatórios de Sustentabilidade às diretrizes apresentadas pela versão G3 da GRI. Este trabalho consistiu em treinamentos e apresentações de melhores práticas sobre aspectos relacionados a transparência, relatórios de sustentabilidade e Diretrizes GRI. Além disso, contou com discussões sobre forma e escopo dos relatórios, acompanhamento da coleta de informações e revisões de conteúdo. Com isso, buscou-se aproximar o relato da companhia à forma internacionalmente mais aceita como boa prática para relatórios de sustentabilidade.

No processo de resposta ao questionário do índice ISE Bovespa, a FBDS apoiou a Suzano tanto na avaliação da consistência e coerência das informações prestadas ao Conselho do ISE, quanto no aprimoramento do processo de busca e centralização de informações e de documentos relativos ao questionário do índice.

Por fim, com as discussões e apresentações realizadas pela FBDS, o Grupo Suzano pôde envolver a alta administração nas reflexões mais importantes e, com isso, aprimorar de forma significativa o modelo de gestão pela sustentabilidade.

Fundação Brasileira para o Desenvolvimento Sustentável
Rua Engenheiro Álvaro Niemeyer, 76
CEP 22610-180
Rio de Janeiro - RJ - Brasil
Tel. +55 (21) 3322-4520
Fax +55 (21) 3322-5903
fbds@fbds.org.br

webTexto é um sistema online da Calepino